12 de dezembro de 2018 - 09:51

Agronegócio

03/12/2018 11:27

IMUNIZAÇÃO

Campanha de vacinação contra a febre aftosa é prorrogada em oito estados

Mais de 337 mil doses devem ser aplicadas apenas neste ano

Vacinação foi prorrogada no Acre, Mato Grosso, Maranhão, Paraná, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Ceará e Amazonas - Foto: Roosewelt Pinheiro/Agência Brasil

A segunda etapa da campanha nacional de vacinação contra a febre aftosa foi prorrogada até 10 de dezembro nos estados do Acre, Mato Grosso, Maranhão, Paraná, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Ceará. Já no Amazonas, a campanha se estende até 14 de dezembro. Inicialmente, o calendário de vacinação previa que as imunizações seriam encerradas nesta sexta-feira (30).

A extensão do prazo nesses estados ocorre por dois motivos: falta de vacina, uma vez que as revendas de produtos agropecuários adquiriram estoques menores, e problemas relativos aos sistemas informatizados de controle oficial dos estados.

De acordo com a Divisão de Febre Aftosa (Difa) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), 337.713.800 doses de vacinas devem ser aplicadas somente em 2018. Nos anos seguintes, a pasta prevê a redução do uso da vacina, seguindo as determinações do Plano Nacional de Erradicação de Febre Aftosa (PNEFA). Em 2019, serão 308.235.501 vacinas; em 2020, 269.395.197; e em 2021, 155.118.834.

Até 2022, quase R$ 1 bilhão devem ser economizados com a diminuição das doses, valor que não contabiliza os custos relacionados ao manejo envolvido na vacinação.


Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.