12 de dezembro de 2018 - 10:18

Educação

29/11/2018 11:03

Custodiadas de unidade prisional feminina aprendem a fazer molhos e conservas

Mulheres custodiadas na unidade prisional feminina de Tangará da Serra concluíram nesta quarta-feira (28.11) o curso de molhos e conservas. A capacitação é resultado de uma parceria entre a unidade, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) em Mato Grosso e o Sindicato Rural da cidade. 

Dez mulheres foram capacitadas. Durante os dois dias de aulas, elas aprenderam fazer conservas de legumes, molho de tomate, ketchup, antepasto de berinjela e picles. 

Para a diretora da unidade, Josmara Ribeiro, a formação auxilia as custodiadas a verem novas oportunidades, para assim não reincidirem no crime. "Ao capacitá-las, estamos  promovendo a qualificação e ressocialização. Elas poderão utilizar este aprendizado para trabalhar", explica.

As reeducandas receberão um certificado com 24h/aulas. Elas também receberão remição de pena, conforme prevê a Lei de Execução Penal, que determina que a cada três dias trabalhados ou de estudo, um dia é descontado na pena recebida.

 

 

Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.